sexta-feira, 15 de maio de 2009

Submerso em trevas estou
Cego, um vale de sombras
Andando por imensos becos
Dolorosos, árduos, penosos

Vela acesa num universo sem estrela
Pedacinho de Deus desgarrado
Fagulha divina insistente em brilhar
Luta heróica, Davi contra Golias

Milhares de pensamentos aterrorizam
Sentimentos ruins amargam a alma
Desejos e desejos encobrem o real
Nuvem turva desvirtuando a mente

Luto, batalho, percorro
A cada instante, guerra de trincheira
Com paciência busco minha alma
Engarrafada em seres sombrios

Difícil o caminho ao reino do céu
Lentamente, homens saem da caverna
Chama pequena da vela sonha ser estrela
A alma urge ser livre



-------------------------------------------------------------------------------



Um dia no bosque
Céu azul claro brilhante
Pequenas nuvens passeando
Leve vento com ar celestial
Árvores dançantes, natureza cantante
Sol irradiante

Um dia no bosque
Sucos, frutas e doces
Boa conversa, boas almas
Suave passeio
Silêncio aconchegante

Um dia no bosque
Fadas e duendes ao redor
Pássaros e anjos
Incensos acenando pro cosmo
Mente serena
Pés no ritmo da pulsação do planeta
Boas energias fluindo

Um dia no bosque

6 comentários:

Lajlah Najua disse...

qye engraçado, eu escrevi algo parecido no meu blog... entra lá e dá uma olhada!! Juro que não copiei rssss www.deusatriplice.blogspot.com

Lajlah Najua disse...

Sim... deve ter sido o acaso!!!

Thaise de Melo disse...

O segundo poema é o remédio do primeiro.

Gostei da antítese.

Fique em paz.
Abraços.

Mila disse...

nosssa...qnto tempo nao leio os comentários...e ae...como vc tá??
to voltando pro blog... agora q li o seu... haha..eles sempre conspiram.. fato!
hehe...
seu blog, mto inteligente como sempre!
bjs!
Mila (www.justmee.blogger.com.br!)

Nocivo disse...

Ainda que tenha um intertexto, digamos, com Deus, o bosque ficou bem pagão. Confesso que pensei que haveria uma forma poética clássica quando comecei a ver o poema, mas, mesmo com versos livres, fez um bom trabalho, parabéns!

abrantes.renne disse...

gostei do poema Rui

em nosso blog há uma seção de poesias que nos enviam e podemos públicar uma sua tabm!

visite

htttp://leetelemensagens.blogspot.com

histórias
curiosidades
poemas
como ganhar dinheiros
telemensagens
e muito mais!